Fechar



Registe-se na nossa newsletter







Terça-feira, 15 de Novembro de 2011

Novas vagas e bónus para médicos no interior do país

Novas vagas e bónus para médicos no interior do país
O Governo quer colmatar a falta de médicos em hospitais mais pequenos, no interior do país ou em locais onde há poucos profissionais de algumas especialidades, avança esta terça-feira o Diário de Notícias.

Para isso, o Ministério da Saúde disponibiliza agora 201 vagas (mais 82 do que anteriormente) para internos de várias áreas. Há vagas para anestesiologia, gastrenterologia ou endocrinologia, nas quais existem fortes lacunas, mas a grande aposta continuam a ser as áreas generalistas, que assim ganham mais 43 lugares.

Com o objetivo de fixar os médicos nesses locais foi criada uma bolsa mensal de 750 euros. A condição imposta aos internos é que continuem a trabalhar no respetivo hospital ou centro de saúde durante tantos anos quantos os que fizeram de formação.

Quem queira aproveitar esta oportunidade terá de escolher a área que prefere entre 25 de Novembro e 13 de Dezembro.





FERRAMENTAS
Imprimir
RELACIONADO
SAúDE
COMENTÁRIOS
comments powered by Disqus
Termos de serviço
MULTIMÉDIA
  • Março Mês do Teatro anima palcos de norte a sul
  • Cordoaria: Fotografias do Prémio Mora em Lisboa
  • EUA: Obama volta a elogiar empresárias portuguesas
  • Bombeiro português faz pedido de casamento original
  • Filme sobre o Minho chega a Bilbau e Nova Iorque
  • Espetáculo de dança português faz furor na Roménia
  • Jovem cria lanterna que acende com calor das mãos
  • Mulher de 64 anos nada de Cuba até à Florida
  • Humanos comunicam por
  • Máquina carrega bilhetes de metro com garrafas
  • Arquitetura: Jovem transforma autocarro numa casa
  • Italianos formam cadeia humana para ajudar 164 sírios
  • Bailarina portuguesa vence prémio na Áustria
  • Sistema original ajuda a estacionar com balões
  • Portugueses levam luz a 8 mil pessoas na Guiné-Bissau
DESTAQUES


PÁGINAS AZUIS
Todos os direitos reservados 2011 - The Agency.pt
O BoasNoticias.pt demorou 0.494 segundos a carregar